Dose de Poder #030 (Como Mudar VI)

Tempo de leitura: 2 minutos

“Dê-me uma alavanca bastante comprida e um momento de apoio bastante forte, e sozinho moverei o mundo” – ARQUIMEDES

Bom dia meus queridos, estou feliz, já estamos no post de № 30 dessa série. Eu quero saber se você está gostando? Você já tomou a decisão de mudar algo em sua vida? Mas, Se não tomou a hora é essa. Pois eu irei te dar as dicas, e você irá descobrir as razões para mudar.

Passo Um – Em primeiro lugar, decida o que você realmente quer e o que o impede de ter agora. Foco no que se deseja, e não focar o que não se deseja (o que focamos potencializamos). E o que impede você de realizar agora é o fato de vincular mais dor a promover a mudança do que permanecer onde está.

Passo Dois – Em segundo lugar, use uma alavanca: associe uma dor intensa a não mudar agora, e um prazer imenso à experiencia da mudança agora!

A mudança em geral não é uma questão de capacidade; é quase sempre uma questão de motivação.

A única maneira de efetuar uma mudança agora é criar um senso de urgência tão intenso que somos compelidos a mudar agora. É um ponto que seu cérebro diz: “Já chega, não posso mais passar outro dia, nem se quer um momento, vivendo ou me sentindo assim.”

Se já tentou muitas vezes promover uma mudança e fracassou, isso significa apenas que o nível de dor por fracassar na mudança não é bastante intenso. Você não alcançou o limiar, a suprema alavanca.

Você deve reunir um conjunto bastante forte de razões para mudar.

O quanto vai te custar não mudar? O que faltará em sua vida se não mudar? O quanto já te custa em termos mentais, emocionais, financeiros e espirituais?

Faça com que a dor de não mudar lhe pareça tão real, intensa e imediata que não poderá adiar a ação por mais tempo.

Uma reflexão sincera nesse sentido já seria suficiente, mas se você achar que não, eu te proponho um desafio:

Comprometa-se com alguma outra pessoa do seu convívio. Proponha uma “prenda” absurda no caso de você não conseguir cumprir sua proposta de mudança.

Por exemplo: se você deseja seguir a dieta por 90 dias. Caso falhe, você irá se alimentar com ração de cachorro por 1 dia completo. Certamente, o fato de você imaginar comer ração de cachorro fará você se manter dentro do propósito de seguir corretamente a dieta.

Só não adianta enganar os outros e também si mesmo  😀

Por favor, comentem o que acharam. Temos ou não boas razões para mudar? Podemos discutir esse assunto aqui nos comentários.

O próximo post da série é: Dose de Poder #031 (Como Mudar VII)

Com amor Paula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *